segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Série Bairros de Ijuí - do Jornal "Imparcial": Bairro Hammarstron - região leste da cidade

Série publicada pelo Jornal Imparcial de Ijuí (que não circula mais) no dia 17/11/2001.
Visão do Bairro Hammarstron a partir do Google Earth.

Bairro Progresso de acordo com o livro  "Ijuí - Atlas Escolar", publicado pelo Departamento de Ciências Sociais da Universidade de Ijuí - UNIJUÍ, em 1994, página 77.

ORIGEM DO NOME DO BAIRRO - PIONEIROS NA COLONIZAÇÃO DE IJUÍ:


Jornal O Repórter 28/05/2011
 
PEDRO HAMMARSTRON - (Rua situada no bairro Hammarström). Per (Pedro) Hammarstron nasceu na Suécia, na cidade e capital Estocolmo, no dia 9 de julho de 1849. Casado com Érica Hammarström e com seis filhos, atraídos pela narrativa de um livro que falava da existência em nosso País de muito ouro, Hammarstron não pensou duas vezes e veio para o brasil. Aqui como imigrante em busca de riqueza só encontrou a "mata virgem". E, foi Pedro quem derrubou as primeiras árvores onde hoje está situada a Praça da República de Ijuí, de onde tirou madeira para a construção dos primeiros barracões e casa para os imigrantes recém-chegados. Depois desses primeiros tempos de desbravamento da terra o pioneiro foi residir na Linha 1 Leste (onde hoje situa o atual Bairro Hammarstron), onde viveu até falecer, 89 anos, no dia 14 de maio de 1938, em Ijuí.


Correio Serrano, 19/10/1973

ÉRICA HAMMARSTRON - (Rua situada no bairro Hammarstron). Nasceu na Suécia no dia 8 de julho de 1855. De onde veio casada e como imigrante para o Brasil com o pioneiro Pedro Hammarstron e, posteriormente para a "Colônia de Ijuhy". Aqui acompanhou e trabalhou juntamente com seu marido no desbravamento da mata "virgem" da Colônia, e na construção dos primeiros barracões. Participou ativamente na vida religiosa e na Comunidade Evangélica local. Veio a falecer em nosso município no dia 02 de dezembro de 1934, com a idade de 79 anos.


Para ilustrar publicamos o artigo do historiador Ademar Campos Bindé publicado no Jornal "O Repórter", do dia 28/05/2011
Para ilustrar sobre o "Jardim Zoológico" que existiu no Bairro Hammarstron publicamos a coluna do Museu Antropológico Diretor Pestana - MADP publicada no Jornal da Manhã no dia 07/02/2009






















Postar um comentário